Abstenção é voto nos "partidos do sistema"

Abstenção é voto nos "partidos do sistema"

 

Lusa/AO online   Regional   26 de Set de 2013, 17:07

O BE pediu esta quinta-feira aos eleitores nos Açores para não se absterem no domingo, sublinhando que não participar nas eleições equivale a votar nos "partidos do sistema": PS e PSD.

Falando aos jornalistas em Ponta Delgada, à margem de uma ação de campanha com vista às eleições autárquicas do próximo domingo, a líder do BE/Açores, Zuraida Soares, disse que os eleitores têm três hipóteses: “continuar a votar nos partidos do sistema e da bipolarização e a garantir as maiorias”, “votar em alternativas políticas que lhe possam trazer alguma coisa de diferente, de novo e de melhor, de resposta às suas necessidades”, e absterem-se, “a pior” de todas as opções.

“As pessoas têm todas as razões, e eu sou a primeira a reconhecê-lo, para estarem zangadas, desencantadas, frustradas, desiludidas com a política, porque a política não tem sabido responder aos seus problemas e às suas carências. Mas há uma coisa que os eleitores têm de perceber: é que quando se abstêm põem um voto a mais nos partidos do sistema, ou seja, no PS e no PSD”, afirmou.

Zuraida Soares referiu que a expectativa do BE/Açores é aumentar em termos de votação e de eleitos nos diversos órgãos autárquicos das ilhas, ou seja, que os eleitores reconheçam nas propostas do partido uma alternativa, “uma forma diferente de fazer política”, com preocupações ao nível “do que é um concelho sustentável e preocupado com as pessoas”.

O BE quer, nos Açores, continuar a desenvolver o trabalho que tem feito onde conseguiu eleger representantes em órgãos autárquicos, sintetizou Zuraida Soares.

“Queremos continuar a ajudar as pessoas, a falar em nome delas, a expor os seus problemas, a confrontar o poder instituído […] com outra forma de fazer política com maior transparência, maior democracia, maior participação das pessoas, maior atenção as suas necessidades quotidianas", afirmou.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.