Diplomacia

Viagens por via terrestre para a Mauritânia desaconselhadas


 

Lusa / AO online   Nacional   3 de Dez de 2009, 14:24

O Governo português desaconselha os cidadãos nacionais a viajarem para a Mauritânia por via terrestre devido a actos de banditismo, num alerta divulgado esta quinta-feira.
"Desaconselham-se fortemente deslocações, por via terrestre, na Mauritânia principalmente quando os percursos forem de noite, desacompanhados e ou em estradas secundárias", lê-se no site da Secretaria de Estado das Comunidades.

Segundo a mensagem do Governo, para a "Mauritânia são fortemente desaconselhadas deslocações na zona oriental do país (a partir de Oualata, Tichit, Ouadane, Zouerate)".

"A criminalidade na capital, Nouakchott, é fraca mas tem vindo a aumentar, nomeadamente nos bairros da periferia e nas praias. É aconselhável não conduzir sem estar acompanhado", diz ainda o alerta.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.