Um terço das crianças no mundo não aprende a ler ou escrever

Um terço das crianças no mundo não aprende a ler ou escrever

 

Lusa/AO online   Internacional   15 de Nov de 2013, 15:17

Um terço das crianças em idade escolar não está a aprender a ler nem a escrever, uma tendência crescente e que está relacionada com a redução dos apoios oficiais ao desenvolvimento no mundo, segundo uma organização jesuíta espanhola.

Dos 650 milhões de crianças no mundo em idade de frequentar a escola primária, 250 milhões não estão a aprender a ler ou escrever, quer porque não vão à escola ou porque estão a receber uma educação de má qualidade.

A organização não-governamental Entreculturas, que apresentou o estudo “Direito a aprender: educação de qualidade, educação transformadora”, denunciou os efeitos da interrupção das ajudas ao desenvolvimento, que afeta os mais vulneráveis, “que são as crianças das famílias pobres ou em situação de exclusão social, os que vivem na rua ou os refugiados”.

“As limitações no acesso à educação marcam as vidas das crianças para sempre, condenando milhões de pessoas à exclusão social”, defendeu a responsável da instituição, Valeria Méndez de Vigo.

A representante da ONG sublinhou que “os inegáveis avanços no acesso à educação primária estancaram desde 2010 como consequência direta dos cortes à ajuda destinada à educação básica”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.