Leilão

Salva portuguesa com 500 anos vendida em Londres por 127 mil euros


 

Lusa/AO online   Economia   29 de Nov de 2011, 16:31

Uma salva de prata dourada portuguesa do século XVI, de autor e origem desconhecidos, foi vendida num leilão em Londres por 127 mil euros, superando a estimativa base mais alta.
O prato, de quase meio quilo e 26 centímetros de diâmetro, foi avaliado pela Christie's entre 70 mil euros e 94 mil euros, isto apesar de pouco se saber sobre a sua história, como admitiu o especialista da leiloeira Jeffrey Lassaline, à agência Lusa, antes do leilão.

O vendedor, de nacionalidade britânica, comprou a peça há alguns anos, mas foram os peritos da Christie's que identificaram uma marca antiga da cidade de Lisboa, a data de 1508 e uma assinatura não legível do autor.

A salva circular tem gravado em relevo uma cena de caça de animais exóticos, como unicórnios e leões, por homens selvagens, sobre um fundo de folhagem e com marcas redondas feitas à mão.

No centro estão representados dois grifos debaixo de uma árvore, rodeados por mais folhagem e animais.

A salva de prata foi um dos destaques do leilão "Séculos de Estilo", no qual estavam incluídos objectos de prata, cerâmica, vidro, retratos miniatura e caixas douradas de vários países europeus.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.