Revista de imprensa nacional


 

Lusa/AO   Nacional   12 de Set de 2008, 07:17

O anúncio da TAP de que vai reduzir preços dos bilhetes e uma entrevista ao Presidente da República, na qual Cavaco Silva admite vetar estatuto autonómico dos Açores, estão hoje em destaque na imprensa lisboeta.
O Público titula “Voar na Europa por…um euro”, referindo-se à campanha de redução de preços anunciada quinta-feira pela TAP.

    A companhia aérea admitiu a possibilidade de redução da sobretaxa de combustíveis nos bilhetes da companhia.

    As viagens em saldo por preços entre um e 109 euros visam combater a quebra após as férias, acrescenta o Público.

    Na primeira página o Público destaca também uma entrevista ao Presidente da República, na qual Cavaco Silva “admite vetar politicamente estatuto autonómico dos Açores”.

    O Diário de Notícias revela na primeira página “Governo assume culpa de todos os atrasos na lei”, salientando ainda que a maioria PS está a tentar desanuviar tensão com Presidente da República.

    “TAP abre guerra a ‘low cost’ com viagens a 64 euros”, “Fecharam 13 empresas sem aviso no Verão” e o concerto de Madonna no domingo em Lisboa são outros assuntos abordados no DN.

    “Constâncio limpa fiasco de 40 milhões” é a manchete do Correio da Manhã.

    O jornal conta que o Banco Português de Negócios (BPN), patrocinador oficial do Euro’2004, tem cinco milhões de moedas comemorativas nas mãos que não conseguiu vender e quer que o Banco de Portugal as compre.

    As moedas, avaliadas em 40 milhões de euros, vão ser entregues ao Banco de Portugal até ao início de 2009, segundo anunciou Miguel Cadilhe, novo presidente do BPN.

    “GNR apanha armas e droga” é outro título em destaque no CM, referindo-se a várias operações de fiscalização levadas pela GNR de Norte a sul do País.

    “Criança violada por dois menores” é a manchete do Jornal de Notícias, contando que um menino de seis anos foi abusado por dois irmãos de 13 e 16 anos, em Fânzeres, Gondomar, a 20 metros da própria casa.

    O matutino faz ainda chamadas de capa com a candidatura de Elisa Ferreira à Câmara do Porto e dados que indicam que morreram desde Janeiro sete pessoas em pedreiras.

    O 24horas chama à primeira página “Assaltaram a casa do procurador”, sublinhando que os ladrões arrombaram a porta da vivenda de família de Pinto Monteiro.

    O diário revela ainda que “Houve 677 novos candidatos a professores do ensino básico…mas apenas quatro colocados!” e que a “TAP baixa os preços e quer fazer guerra às companhias de baixo custo”.

    O Diário Económico adianta que “Medicamentos vão ter novos preços”, salientando que os remédios vão ser comparticipados com um valor fixo, independentemente do seu preço.

    A medida, escreve o DE, está a ser preparada para entrar em vigor em Janeiro.

    O DE puxa ainda para a capa “Governo admite rever crescimento” e “Banco de Portugal e fisco cruzam dados para controlar devedores”.

    Por seu turno, o Jornal de Negócios escreve “Trinta por cento dos novos empregos da era Sócrates estão no estrangeiro”, adiantando que o número de residentes a trabalhar fora dispara 130 por cento.

    O Semanário Económico destaca na sua edição “Gasolineiras debaixo de fogo para baixarem preços”, precisando que os revendedores vão pedir intervenção da Autoridade da Concorrência”.

    O jornal avança ainda que o “DCIAP [Departamento Central de Investigação e Acção Penal] entrega ao Procurador-Geral da República relatório sobre caso Freeport no fim do mês”.

    Por fim, o Semanário destaca que “Belém pondera os piores cenários, exemplificando com o “Colapso do Governo até ao final do ano/princípios de 2009 com espiral de insegurança e recessão económica”.

    Cristiano Ronaldo, o hondurenho Suazo (Benfica) e Deco preenchem as capas dos matutinos desportivos, ainda em compasso de espera pelo regresso das competições futebolísticas internas.

    “Estou cheio de vontade a marcar golos” titula A Bola, citando uma declaração de Cristiano Ronaldo, que sábado recebe no Funchal a bota de ouro.

    O matutino, que ocupa o espaço principal da capa com uma foto de Cristiano Ronaldo a festejar um golo, faz ainda um convite aos leitores para “dizer ao mundo” que o futebolista “é o melhor”.

    O matutino anuncia para a edição de sábado a publicação de uma entrevista com o treinador do Benfica, na qual Quique Flores afirma não ter medo de falhar.

    “Super Suazo” foi o título escolhido por O Jogo para preencher a primeira página, ao lado de foto do futebolista hondurenho.

    O matutino desportivo diz que o jogador do Benfica “brilhou na selecção com penálti e assistência para golo” e que agora espera estrear-se pelos “encarnados” contra o Nápoles, a contar para a Taça UEFA.

    O jornal destaca ainda que “Liedson volta hoje ao trabalho de grupo”, depois de debelada a lesão, podendo mesmo estar disponível para o Sporting-Benfica da próxima jornada.

    O Record faz uma fotomontagem mostrando Deco envergando uma camisola dos “leões” e titulando “Deco fala à Sporting”, explicando que o luso-brasileiro “acredita na vitória leonina em Barcelona”.

    “É preciso coragem e não temer o ambiente”, aconselha o futebolista, que se transferiu esta época do Barcelona para o Chelsea.

    O jornal publica também uma entrevista com Suazo, que afirma chegar ao Benfica “para ser campeão”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.