Unesco

Portugal em ofensiva diplomática para instalar COI em Lisboa


 

Lusa / AO online   Nacional   13 de Out de 2009, 15:33

Mário Soares, João Gomes Cravinho e Manuel Maria Carrilho dão esta semana rosto a uma ofensiva diplomática em Paris para levar a Conferência Oceanográfica Intergovernamental (COI) para Lisboa.
O ex-Presidente da República, o actual secretário de Estado dos Negócios Estrangeiros e da Cooperação e o ex-ministro da Cultura procuram convencer os responsáveis da COI e da UNESCO a transferir para Lisboa o secretariado da agência oceanográfica.

Além dos argumentos históricos, Portugal oferece à COI uma contribuição de 1,5 milhões de euros e um edifício em Lisboa, revelou hoje João Gomes Cravinho à Agência Lusa em Paris.

"O que propomos à COI é que, vindo para Lisboa, lhes damos um edifício com condições muito dignas para albergar a instituição", explicou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.