Médicos internos de Medicina Geral e Familiar nos Açores iniciam formação em "Emergência e Estabilização do Doente Crítico"

Médicos internos de Medicina Geral e Familiar nos Açores iniciam formação em "Emergência e Estabilização do Doente Crítico"

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   22 de Out de 2018, 15:39

A Secretaria Regional da Saúde está a promover uma formação para médicos internos de Medicina Geral e Familiar sobre “Emergência e Estabilização do Doente Crítico”.

Neste curso participam 15 médicos internos de Medicina Geral e Familiar que estão a completar a sua especialização nas Unidades de Saúde de Ilha de São Jorge, Pico, Faial, Terceira e São Miguel.


A iniciativa, diz nota do Gacs, pretende dar resposta a necessidades sentidas pelos médicos desta especialidade, dando assim cumprimento à estratégia do executivo de reforço da formação dos médicos de Medicina Geral e Familiar, preparando-os principalmente para os desafios do exercício da profissão em ilhas sem hospital.


O curso de “Simulação de Emergência e Estabilização do Doente Crítico”, com a duração de dois dias, num total de 16 horas, é constituído por quatro módulos, nomeadamente Obstetrícia e Pediatria, Cardiologia, Anestesiologia/Trauma e Medicina Interna.


O curso decorre no Centro de Simulação Clínica da Madeira, no Funchal, no âmbito do protocolo de cooperação entre as secretarias regionais da saúde dos Governos dos Açores e da Madeira, que, entre outras áreas, prevê a colaboração na formação e especialização de profissionais de saúde, acrescenta a nota do executivo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.