Maduro confiante de que novas plataformas permitam tornar Media sustentáveis

Maduro confiante de que novas plataformas permitam tornar Media sustentáveis

 

Lusa/AO Online   Nacional   14 de Nov de 2013, 07:30

O ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Miguel Poiares Maduro, manifestou-se confiante de que as novas plataformas tecnológicas permitam, no futuro, uma sustentabilidade financeira do jornalismo.

 

Poiares Maduro falava no 23.º congresso da APDC - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações, num painel sobre os Media.

"Tenho grande confiança de que as novas plataformas vão permitir, no futuro, uma sustentabilidade financeira do jornalismo. Mas até lá, estes processos de transferência trazem riscos elevados para os meios de comunicação social e, possivelmente, uma forma diferente de relação entre leitor e jornais", afirmou.

"Processo semelhante tende a ocorrer no audiovisual, com a multiplicação de formas de acesso aos conteúdos a criarem forte instabilidade e redistribuição entre criadores, agregadores e distribuidores de conteúdos", acrescentou.

"Digamos que o negócio dos Media está longe de ser estabilizado em novos modelos, criando pressões financeiras que poderão afetar a qualidade do próprio jornalismo", declarou.

Entre as prioridades sob sua tutela, Miguel Poiares Maduro disse que está o "apoio aos meios de comunicação que entenderem fazer a transferência para um novo modelo de negócio, assente em novas plataformas digitais",

Em segundo lugar, "o apoio à qualificação dos jornalistas e ao jornalismo de investigação", disse.

"Para esses objetivos faremos convergir os instrumentos públicos de que dispomos, sejam como fundos comunitários, os incentivos à comunicação social, os apoios à formação, os apoios regionais locais e a publicidade institucional", concluiu.

 



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.