Taça UEFA

Hitzfeld preocupado com onda de lesões no Bayern de Munique

Hitzfeld preocupado com onda de lesões no Bayern de Munique

 

Lusa/AO online   Futebol   3 de Out de 2007, 15:49

O treinador do Bayern de Munique, Ottmar Hitzfeld, reconheceu estar "preocupado" com a onda de lesões no plantel dos bávaros, que visitam quinta-feira o Belenenses na segunda mão da eliminatória de acesso à fase de grupos da Taça UEFA.
     Depois de terem vencido em Munique por 1-0, resultado que Hitzfeld também admite ter ficado aquém das expectativas, os alemães visitam agora o Restelo com cinco baixas: o guarda-redes Oliver Khan, os defesas Philipp Lahm e Willy Sagnol e os avançados Miroslav Klose e Lukas Podolski.

    "A preocupação existe e é grande", frisou o técnico germânico na conferência de imprensa que antecipou o jogo de quinta-feira, realizada já numa unidade hoteleira de Lisboa, pouco depois da comitiva bávara ter chegado à capital portuguesa.

    Mas, apesar das cinco ausências, Hitzfeld acredita que as alternativas "no grande plantel do Bayern de Munique" vão demonstrar no terreno "todo o seu talento".

    "Todos sabem o que está em jogo e vão fazer o melhor que podem. Este é o nosso jogo mais importante nesta fase da época. Não entrámos na Liga dos Campeões e a Taça UEFA é a competição que agora mais nos importa", sublinhou o treinador dos actuais líderes do campeonato alemão.

    Sobre o Belenenses, Hitzfeld reconheceu que a equipa orientada por Jorge Jesus "está muito bem organizada no sector defensivo", pelo que prevê novas dificuldades no Restelo, apesar de assumir o favoritismo para o confronto de quinta-feira.

    "Esperávamos um melhor resultado que o 1-0 na primeira mão. No entanto, estamos preparados para as dificuldades que o Belenenses nos irá criar, porque somos sempre favoritos em todos os jogos que disputamos", considerou o técnico.

    O médio brasileiro Zé Roberto alinhou pelo mesmo discurso do treinador e considerou mesmo o encontro do Restelo como "o jogo mais importante do ano" para a sua equipa.

    "O Bayern de Munique tem obrigação de chegar à fase de grupos. Temos o objectivo claro de ganhar esta competição, mas primeiro temos de nos apurar", lembrou o jogador "canarinho".

    Zé Roberto também admitiu que o Bayern podia ter chegado agora a Lisboa com maior tranquilidade, mas não retirou mérito ao Belenenses pela exibição "consistente" no jogo da primeira mão.

    "No primeiro jogo todos pensavam que íamos golear e só ganhámos por 1-0. O Belenenses mostrou em Munique que é uma equipa muito bem montada", destacou o jogador brasileiro.

    O Bayern de Munique realiza hoje, pelas 17:00, o treino de adaptação ao Estádio do Restelo, palco do jogo decisivo de quinta-feira, marcado para as 19:30, encontro que será dirigido pelo polaco Jacek Granat.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.