Açoriano Oriental
Governo dos Açores diz que região é “exemplo de boas práticas” sustentáveis

O Governo dos Açores disse hoje que a região é um “exemplo de boas práticas” sustentáveis e que está “à frente” da “nova abordagem mundial” do setor do turismo assente na sustentabilidade.

Governo dos Açores diz que região é “exemplo de boas práticas” sustentáveis

Autor: Lusa/AO Online

Segundo a secretária regional da Energia, Ambiente e Turismo, Marta Guerreiro, os Açores são “um exemplo de boas práticas na área da sustentabilidade, com uma notoriedade internacional muito positiva”.

Marta Guerreiro destacou que a região se afirmou “no mercado turístico como o primeiro e único arquipélago do mundo, e a única região do país, com a certificação de destino sustentável”, atribuída pela certificadora Earthcheck, em dezembro de 2019.

A governante falava hoje na Lagoa, na ilha de São Miguel, na cerimónia de abertura do terceiro fórum da Cartilha de Sustentabilidade dos Açores.

A secretária regional recordou as palavras do comissário europeu Thierry Berton em 21 de abril que afirmou ser necessário “reinventar o turismo do amanhã”, que deve assentar na sustentabilidade, evitando a “sobrelotação” e apostando na “proximidade.

Segundo Marta Guerreiro, os Açores percorreram um caminho que faz com que o arquipélago esteja “à frente naquela que tem de ser a nova abordagem no setor do turismo”.

“Esta pode ser uma nova abordagem mundial do setor, mas, para os Açores, este foi o caminho que escolhemos percorrer nos últimos anos, antecipando um conjunto de trabalhos de organização e planeamento em defesa do território e do setor”, afirmou a secretária.

A responsável pela Energia, Ambiente e Turismo considerou que o posicionamento dos Açores enquanto destino turístico permite ir ao encontro das “motivações" dos turistas que optam “por destinos que oferecem condições de segurança sanitária associadas a uma oferta de descanso e de lazer ‘desmassificada’ e com elevado contacto com natureza”.

“Neste contexto, acreditamos que os Açores estão muito bem posicionados”, declarou.

Marta Guerreiro disse ainda que as “políticas públicas” estão a ser alvo de uma reestruturação por via do “desenvolvimento sustentável”.

“Estamos perante um novo tempo, um tempo de reestruturação das políticas públicas por via do desenvolvimento sustentável, onde o turismo, por ser transversal a tantas atividades, tem um papel preponderante”, acrescentou.

A carta da sustentabilidade dos Açores foi criada em 2017 com o objetivo de apoiar as práticas sustentáveis nos vários setores da sociedade açoriana.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.