Açoriano Oriental
Covid-19
Governo anuncia controlo de fronteiras terrestres com Espanha

O Governo anunciou esta segunda-feira o controlo de fronteiras terrestres com Espanha, passando a existir nove pontos de passagem e exclusivamente destinados para transporte de mercadorias e trabalhadores que tenham que se deslocar por razões profissionais.

article.title

Foto: ANTÓNIO COTRIM/LUSA
Autor: Lusa/AO Online

“Portugal e Espanha estão a concluir as notas técnicas que permitirão ainda hoje reintroduzir os controlos de fronteiras terrestres, estabelecendo exclusivamente nove pontos de passagem”, disse o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, avançando que todas as outras passagens vão ser absolutamente interditadas”.

Em conferência de imprensa em Lisboa, Eduardo Cabrita sublinhou que nos nove pontos de passagem terrestre vão ser estabelecidos mecanismos que limitam essa passagem “exclusivamente a mercadorias e a trabalhadores que tenham por razões profissionais que se deslocarem a Espanha ou do pais vizinho para Portugal”.

O ministro disse que nestes casos vai ser feito, em articulação com as autoridades espanholas, o controlo sanitário na fronteira de quem entra e quem sai de Portugal.

Eduardo Cabrita anunciou também que hoje será realizada uma nova conferência de imprensa para informar quais os nove postos fronteiriços que ficarão abertos e a partir de que horas estas medidas entram em vigor.

Na reunião foi ainda decidido que o material médico, incluindo ventiladores, e kits de proteção pessoal sejam "geridos à escala europeia".

Eduardo Cabrita lembrou que já várias ligações aéreas foram interrompidas, nomeadamente de Itália e da China, considerados "países de risco mais elevado", e que ainda hoje haverá decisões tomadas juntamente com Espanha sobre as fronteiras aéreas.

Sobre os voos de outros locais, o ministro diz que se vai "monitorizar muito de perto" a situação em todos os países de origem e introduzir mecanismos de acompanhamento de saúde dos passageiros que cheguem a Portugal vindos de países terceiros, ressalvando que são desaconselhadas as deslocações para as regiões autónomas.

Na reunião por videoconferência estiveram os ministros da Administração Interna ou do Interior e da Saúde dos países da União Europeia mais a Noruega e Suíça e três comissários europeus.

Ainda esta semana haverá uma nova reunião europeia devido ao surto de Covid-19.


 


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.