Eurodeputados travam proibição de pesca de arrasto no Atlântico

Eurodeputados travam proibição de pesca de arrasto no Atlântico

 

Lusa/AO Online   Economia   4 de Nov de 2013, 18:24

A comissão de pesca do Parlamento Europeu chumbou hoje a medida proposta pela Comissão Europeia que proibia a pesca de arrasto em profundidade no Atlântico nordeste.

Os eurodeputados decidiram não restringir a área de captura e rever a situação até 2017 e defenderam ainda que a Comissão Europeia faça um estudo sobre a sustentabilidade e a conservação do ecosistema das zonas de pesca mais vulneráveis.

A decisão, que carece ainda de aprovação pelo conselho dos 28 países da União Europeia, deverá agradar à indústria pesqueira, sobretudo a do norte de Espanha, que já tinha alertado que a proibição da pesca de arrasto pode ameaçar a competitividade dos pescadores.

Já a Greenpeace lamentou a decisão do Parlamento Europeu por considerar que a pesca de arrasto prejudica os ecossitemas do Atlântico.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.