EDP vende restante posição na Sonaecom por 53,4 milhões de euros


 

Lusa / AO online   Economia   20 de Out de 2009, 12:15

A EDP vendeu esta terça-feira por 53,4 milhões de euros os restantes 8 por cento que detinha na Sonaecom, anunciou a empresa em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.
A eléctrica, que vendeu um total de mais de 26,9 milhões de acções, a 1,98 euros cada título, acrescenta no comunicado que a venda ocorre "no seguimento da estratégia definida e comunicada ao mercado pela EDP e no sentido de proceder ao desinvestimento em activos não 'core'".

"A OPTEP SGPS, S.A., detida a 100 por cento pela EDP Imobiliária e Participações S.A., vendeu hoje 26.979.748 de acções da Sonaecom, SGPS, S.A. ("Sonaecom") a 1,98 euros por acção. Com esta venda a EDP passa a não ter qualquer acção da Sonaecom", indicou a empresa ao mercado.

Em finais de Maio, o presidente da EDP, António Mexia, tinha reafirmado a intenção da energética de alienar a posição de 8 por cento na Sonaecom quando as condições de mercado o permitissem.

"Sobre aquilo que é a nossa posição nas telecomunicações, que não haja dúvidas: não temos intenção de ficar no sector de telecom, já vendemos a grande maioria, continuaremos a fazer este caminho quando fizer sentido", disse na altura António Mexia.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.