43 recrutas e soldados mortos em atentado suicida no Iraque


 

Lusa/AO Online   Internacional   17 de Ago de 2010, 07:14

Quarenta e três novos recrutas e soldados foram mortos e uma centena de outros ficaram feridos num atentado suicida contra um centro de recrutamento do exército iraquiano em Bagdad, disse fonte do Ministério da Defesa.

Cerca das 07:30 locais (05:30 em Lisboa) um suicida, que se misturou com os recrutas no exterior do antigo edifício da Ministério da Defesa, em Bab al-Mouazam, no centro de Bagdad, acionou a carga de explosivos que transportada debaixo da roupa.

Inicialmente o Ministério da Defesa tinha referido a existência de 41 vítimas mortais.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.