Açoriano Oriental
Escola
Escola Básica e Secundária da Povoação

A eletricidade da nossa escola


20161206_082842

 

No passado dia 16, dois alunos do 9ºA fizeram uma entrevista ao Presidente do Conselho Executivo, no âmbito da disciplina de Físico-Química, em parceria com o Clube de Jornalismo.

    O tema base da entrevista foi o custo e a modificação dos equipamentos electrónicos da escola No entanto o Professor Tiago Pinto propôs um desafio, aos alunos. Desafio este que consiste na modificação dos equipamentos, sendo lançado o desafio de se elaborar um projeto, em grupo, para apresentar ao Governo Regional dos Açores.
 
1. Relativamente aos consumos energéticos qual é a sua opinião, acha que a escola
consome muita ou pouca energia, comparada com outras de semelhante dimensão?
 
Tiago Pinto: -A escola consome muita energia, mas não tenho o conhecimento dos gastos das outras
escolas.
 
2. Qual é a sua opinião acerca da iluminação das salas de aula, será que as lâmpadas
das salas são as mais indicadas, tanto em termos de eficiência energética como de
proporcionar boa iluminação para que as condições de aprendizagem sejam as
melhores?
 
Tiago Pinto: -A iluminação não é das melhores mas as salas têm todas luz fria (luz branca), no entanto, muitas destas lâmpadas são de luz branca mas parecem ser de luz amarelada devido à proteção das lâmpadas estar amarelada (gasta).
 
3. A escola já concorreu a algum projeto de aumento da eficiência energética, como por
exemplo, o PROENERGIA?
 
Tiago Pinto: -Ainda não, aguardo que os alunos avancem com os seus projetos, após o desafio que lhes foi lançado.
 
4. Sabe indicar qual a zona/serviço da escola que consome mais energia? Porquê?
 
Tiago Pinto: -Claramente, a cantina, devido aos eletrodomésticos estarem sempre ligados (por exemplo: frigoríficos, máquina de lavar louça, entre outros equipamentos).
 
5. Quais as medidas que possam tomar para reduzir a quantidade de energia mensal?
 
Tiago Pinto: -Desligar os computadores depois das aulas ( mesmo nos intervalos mais pequenos), o mesmo com as luzes das salas de aula.
 
6. Já pensaram em investir em energias renováveis para autoconsumo?
 
Tiago Pinto: -Sim já pensámos nisso mas a escola não tem verbas suficientes .
 
7. Tendo em conta que os computadores e projetores mais antigos gastam muita
energia, já pensaram em substituí-los?... Ou já calcularam quanto tempo demoraria o retorno de tal investimento?
 
Tiago Pinto: -Temos a noção que os computadores são antigos, este ano já substituímos alguns e, para o próximo ano letivo, vamos meter mais alguns  mas, como já disse, a escola não tem verba suficiente para isto tudo.
 
8. A escola possui certificado energético?
 
Tiago Pinto: -Não porque os serviços públicos estão dispensados de ter certificados energéticos.

A equipa do Rede de Palavras agradece a disponibilidade para a entrevista concedida.

 

AO Escolas

Iª Feira do Livro da Biblioteca da ESLagoa
Para Voltaire, “A leitura engrandece a alma”. Já, para Saramago, “A leitura é, provavelmente, uma outra maneira de estar em um lugar” e outros há que associam “leitura” a viagem, fonte de prazer, enriquecimento de alma, de conhecimento, de comunicação com o passado ou, simplesmente, uma forma de aumentar o vocabulário e de aprimorar a ortografia. Motivar os alunos para a leitura, visto os inúmeros benefícios que esta acarreta, numa sociedade em que a prioridade são as tecnologias e as redes sociais, tem sido o principal foco da biblioteca da Escola Secundária de Lagoa. Neste sentido, para além de outras atividades que desenvolve ao longo do ano, a biblioteca promoveu, entre os dias 10 e 13 de março, uma Feira do Livro.
 
Escola Secundária da Lagoa
Sentir, pensar, crescer e inspirar em casa!
Urge gerir o tempo. A comunidade educativa está resguardada em casa para combater a propagação do Covid-19. Mas não há razão para baixar as mãos, o ecrã do computador poderá ser um meio para nos mantermos ligados, colaborarmos e aprendermos.
 
Escola Secundária da Lagoa
Conferência: estudar o Espaço! Porquê?
No passado mês de fevereiro, realizou-se, no auditório da Escola Secundária da Lagoa, uma conferência, da responsabilidade do Clube de Geocaching desta Escola, sobre o tema: “Estudar o Espaço – Porquê? E Geocaching no Espaço?”. O palestrante convidado, sobre este interessante tema, foi o Mestre Pedro Garcia, responsável pelo OASA – Observatório Astronómico de Santana – Açores, que encantou a assistência com várias novidades e informações relativas à Exploração Espacial e sua história.
 
Escola Secundária da Lagoa

Notícias AO

Mais de 33.000 mortes e quase 700.000 infetados
A pandemia do novo coronavírus matou pelo menos 33.244 pessoas no mundo inteiro desde que a doença surgiu em dezembro na China, segundo um balanço da AFP às 19:00, a partir de dados oficiais.
 
Madeira fixa em 100 os passageiros que podem desembarcar semanalmente na ilha
O desembarque de passageiros no Aeroporto Cristiano Ronaldo, na ilha da Madeira, fica reduzido a uma centena de pessoas por semana, uma medida que entra em vigor às 00:00 de terça-feira, anunciou este domingo o Governo Regional.
 
MiratecArts assinala Dia Internacional do Livro Infantil em direto no Facebook
O Dia Internacional do Livro Infantil assinala-se a 2 de abril e pretende promover o livro infantil e a leitura pelos mais jovens. A MiratecArts vai comemorar o dia em parceria com a entidade internacional IBBY.
 
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.