Tacadas certeiras ajudam Aldeias SOS


 

Lusa / AO online   Nacional   13 de Out de 2009, 16:24

Cada tacada dos golfistas que participam no torneio Portugal Masters de Vilamoura para o buraco vai render dinheiro para as Aldeias SOS, que recolhem crianças órfãs, abandonadas ou em situação de risco.
A Fundação Genworth, subordinada a uma empresa de seguros financeiros, doará dois euros por cada "putt", tacada na fase final de cada buraco, quando o golfista lá tenta meter a bola.

O público do torneio - que se joga de 15 a 18 de Outubro - também poderá contribuir para ajudar as aldeias SOS, tentando meter a bola no buraco. Cada tacada certeira, em zonas especialmente concebidas, renderá um euro para as aldeias.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.