Sata reforça segurança nas ligações aos Estados Unidos

Sata reforça segurança nas ligações aos Estados Unidos

 

Lusa/AOonline   Regional   29 de Dez de 2009, 16:58

A SATA assegurou que os seus voos para os EUA vão cumprir as medidas complementares de segurança recomendadas pelas autoridades norte-americanas na sequência da tentativa de explosão de um avião da Delta AirLines.

A companhia reforçou o controlo de segurança no embarque de passageiros e da bagagem de cabine, tendo sido também adoptadas novas regras em matéria de procedimentos a bordo. No embarque, a SATA alargou o rastreio a todos os passageiros, que passam a ter de responder sobre o que transportam consigo, sendo os objectos sujeitos a verificação manual e rastreados com o portátil de metais. A bordo passou a estar proibida, durante o sobrevoo de território norte-americano, a exibição de mapas sobre a posição do avião, deixando também de ser feita a habitual comunicação do comandante com indicações sobre o voo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.