Ratos são praga em São Miguel

Ratos são praga em São Miguel

 

Lusa/AOonline   Regional   11 de Dez de 2009, 15:27

 A presença de ratos em São Miguel foi confirmada por nove em cada dez inquiridos num estudo o que revela que a presença dos roedores é “constante e continuada” e exige medidas eficazes para o seu combate.

O estudo, que está na origem do Plano de Gestão Ambiental Integrada de Roedores para o Arquipélago dos Açores, hoje apresentado em Ponta Delgada, refere que 90,9 por cento dos inquiridos indicaram a presença de ratos e que 83,3 por cento tiveram observação visual dos animais.

“O que temos feito revelou-se insuficiente”, admitiu Noé Rodrigues, secretário regional da Agricultura, na cerimónia de apresentação deste plano, que deverá dar origem a uma “legislação eficaz” para o controlo e combate dos roedores nos Açores.

O plano hoje divulgado, que será aplicado em todo o arquipélago, permite “um melhor conhecimento da realidade e uma mais correcta identificação dos meios necessários para controlar e combater os ratos”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.