Açoriano Oriental
PSD reclama melhores condições para as zonas balneares

O PSD de Angra do Heroísmo reclama "melhores condições para as zonas balneares do concelho", lembrando que, "tal como em 2019, as intervenções levadas a cabo pelo município não resolveram os problemas estruturais de muitas delas".

PSD reclama melhores condições para as zonas balneares

Autor: Susete Rodrigues/AO Online

Em comunicado, João Ormonde, que lidera a concelhia, recorda que, "já o ano passado foi assim, e denunciamos que os investimentos anunciados pela Câmara Municipal não passavam afinal de meras intervenções de manutenção, insuficientes e quase sempre com péssima qualidade nos materiais e na mão-de-obra, não cumprindo sequer com parâmetros mínimos de qualidade", adianta.
 
O social democrata refere que as várias situações "foram sendo confirmadas pelos banhistas ao longo de todo o verão passado, com as más condições dos locais de banhos a terem consequências para a sua segurança, obrigando nalguns casos a intervenções corretivas de emergência", explica.
 
"Existiam, e continuam a existir problemas ao nível dos acessos, estacionamento, serviços conexos, equipamentos de diversão, balneários em mau estado ou inativados, condicionamento ou inutilização dos solários e poças ou piscinas naturais inutilizáveis pela ação da maré ou estado do mar", aponta.
 
 O presidente da CPC angrense considera que "o aparato das últimas semanas, com o habitual ritual do betão para o chão e cal para as paredes, pode fazer crer aos mais distraídos que se está a investir, quando afinal é apenas mera cosmética", garante.
 
João Ormonde assegura que, em alguns casos "nem se chega a reabilitar condignamente estragos causados pelo mar, ou muitas outras situações relacionadas com equipamentos deteriorados e inoperacionais", lamenta.
 
"As casas de banho vão continuarão imundas, as piscinas só terão água na maré baixa, os equipamentos de diversão resumir-se-ão à velhinha plataforma flutuante e nada mudará quanto à segurança e bem-estar dos banhistas", constata o social democrata.
 
"Resta-nos esperar que ao menos se consigam implementar as regras sanitárias que forem sendo impostas pelas autoridades competentes, incluindo quem tem a obrigação de as fazer cumprir, acrescenta.
 

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.