Selecção Nacional

Portugal no "sofá" a torcer por empate entre Dinamarca e Noruega

Portugal no "sofá" a torcer por empate entre Dinamarca e Noruega

 

Lusa/Aonline   Futebol   5 de Set de 2011, 12:59

Portugal “folga” terça-feira em mais uma jornada de qualificação ao Euro2012 em futebol, mas fica a torcer por um empate entre Dinamarca e Noruega, os outros dois candidatos no Grupo H.

À partida para a ronda desta terça-feira, Portugal lidera o agrupamento, mas com os mesmos 13 pontos que a Noruega (com vantagem nos golos marcados e sofridos).

Um empate em Copenhaga retirava dois pontos aos dois adversários de Portugal, lançando os noruegueses para o topo da classificação, mas com mais um jogo disputado.

As decisões finais ficariam depois reservadas para a dupla jornada de outubro (07 e 11). Nesta reta final, Portugal começa por receber a Islândia, no Estádio do Dragão, no Porto, num jogo “para ganhar”, e visita, quatro dias depois, a Dinamarca, no “tudo ou nada”.

Depois da Alemanha ter assegurado, na sexta-feira, o primeiro bilhete para o Europeu coorganizado por Polónia e Ucrânia, a ronda desta terça-feira pode oferecer mais duas viagens.

Com o pleno de vitórias nos cinco jogos já disputados no Grupo I, a campeã mundial e europeia Espanha deve agora reservar mais uma vaga no torneio do próximo ano, “bastando” para isso vencer em casa o modesto Liechtenstein.

Neste agrupamento, a segunda vaga, via “playoff”, continuará a ser discutida entre República Checa e Escócia, duas equipas que já “gastaram” os jogos entre si (vitória dos checos em Praga e empate em Glasgow), mas que ainda têm de defrontar os espanhóis, muito provavelmente já na condição de apurados.

A Itália também pode começar a preparar as mochilas para o Euro2012 se bater, em Florença, a Eslovénia, um dos adversários diretos nesta campanha no Grupo C.

Se vingar o teórico favoritismo dos italianos, o segundo lugar deste agrupamento será discutido entre Eslovénia e Sérvia.

Na decisiva dupla jornada de encerramento, os sérvios começam por receber a Itália e viajam depois à Eslovénia, no jogo que deverá definir quem seguirá depois para os “playoff”.

No Grupo B, a corrida continua a ser a três, entre Rússia, Eslováquia e Irlanda.

Na terça-feira, os russos, que lideram com dois pontos de vantagem sobre a dupla perseguidora, podem reduzir a concorrência quando receberem os irlandeses em Moscovo, no mesmo dia em que eslovacos recebem a acessível Arménia.

Para a França, tudo parece bem encaminhado no Grupo D, embora se avizinhe a visita à Roménia, ainda com aspirações, ainda que ténues, a garantir, pelo menos, o “playoff”.

À espreita de uma oportunidade estão também Bósnia e Bielorrússia, que se defrontam no mesmo dia em Zenica. Se os bielorrussos encerram por ali a campanha, os bósnios têm ainda nova oportunidade na derradeira jornada, quando visitarem os franceses.

No Grupo E, a vice-campeã mundial Holanda vai testar o pleno de vitórias nos sete jogos na visita à Finlândia, cinco dias depois da “esmagadora” goleada por 11-0 sobre São Marino.

A Grécia, orientada pelo português Fernando Santos, deu um pequeno passo rumo ao apuramento direto com o triunfo em Israel, no Grupo F. Segue-se agora a viagem à Letónia, enquanto os adversários diretos, croatas e israelitas, jogam em Zagreb.

No Grupo G, a Inglaterra embalou para o apuramento depois de aliar o claro triunfo, por 3-0, na Bulgária à derrota do Montenegro em Gales, por 2-1.

Nesta jornada, os ingleses, agora com três pontos de vantagem sobre os montenegrinos, voltam a jogar, recebendo precisamente os recentes “carrascos” dos principais adversários neste agrupamento.

   


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.