Liga Europa

Nacional perde com Werder Bremen e fica afastado

Nacional perde com Werder Bremen e fica afastado

 

Lusa/AO online   Futebol   3 de Dez de 2009, 20:24

O Nacional da Madeira ficou hoje afastado da próxima fase da Liga Europa de futebol, ao perder por 4-1 no terreno dos alemães do Werder Bremen, que já estavam apurados, antes deste quinta e penúltima jornada do Grupo L
O Nacional viu hoje confirmada a eliminação da Liga Europa de futebol com pesada derrota por 4-1 no estádio do Werder Bremen e continua sem ganhar na prova, após cinco jogos.

O avançado sueco Rosenberg "bisou" aos 31 e 34, deixando o encontro da quinta ronda do grupo L praticamente decidido a favor da equipa alemã, que já estava qualificada e manteve o avançado português Hugo Almeida no banco de suplentes.

Ruben Micael reduziu aos 61 minutos para o conjunto madeirense, orientado pelo adjunto José Augusto, na ausência do treinador Manuel Machado, internado no Funchal, mas Moreno (84) e Marin (90+2) deram maior expressão ao resultado.

O Nacional viajou para a Alemanha em situação desesperada, pois precisava de ganhar em Bremen e esperar que o Athletic Bilbau perdessem no estádio do Áustria de Viena, mas os espanhóis até ganharam de forma categórica, por 3-0.

O Werder Bremen poderia ter inaugurado o marcador logo aos dois minutos, mas Hunt falhou o desvio para a baliza, e a equipa alemã voltou a ameaçar aos 10, obrigando o guarda-redes Bracalli a aplicar-se, e aos 20, com um remate sobre a barra de Jensen.

Rosenberg foi mais eficaz e sentenciou o jogo no espaço de três minutos, com golos aos 31 e 34 minutos, o primeiro na recarga a um remate ao poste de Moreno e o segundo capitalizando sobre a linha uma saída em falso de Bracalli.

O resultado ao intervalo castigava a passividade defensiva dos madeirenses e Rosenberg poderia ter feito o "hat-trick" aos 59 minutos, mas desta vez Bracalli manteve-se entre os postes e negou o terceiro golo ao avançado sueco.

Aos 61 minutos, o árbitro israelita Alon Yefet transformou em livre directo uma grande penalidade por falta do guarda-redes Mielitz sobre João Aurélio, mas Ruben Micael transformou-o em golo, na marcação irrepreensível de um livre directo.

O entorpecido Nacional despertou com o golo e o remate de longe Mateus obrigou Mielitz a uma grande defesa, aos 63 minutos, mas os germânicos também poderiam ter aumentado a vantagem pouco depois, quando Bracalli saiu com êxito aos pés do isolado Jensen.

O defesa Felipe Lopes falhou a última oportunidade dos portugueses aos 75 minutos, com um remate de cabeça que saiu ligeiramente sobre a barra, e foi o Werder Bremen que chegou à goleada nos últimos minutos.

Bracalli voltou a ganhar o duelo com Rosenberg, mas foi incapaz de deter o cabeceamento vitorioso de Moreno, aos 84 minutos, antes de o suplente Marin fechar a contagem, aos 90+2, na sequência de um rápido contra-ataque.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.