Mortos quatro soldados em combates com rebeldes curdos


 

Lusa / AO online   Internacional   13 de Nov de 2007, 11:40

Pelo menos quatro soldados turcos morreram e nove ficaram feridos em confrontos com membros do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) no sudeste da Turquia, noticiou a televisão privada NTV.
Os confrontos ocorreram na Montanha Gabar perto da cidade de Sirnak. 
Entretanto, as cadeias de televisão NTV e CNN-Turk anunciaram que aviões de combate turcos sobrevoaram hoje de manhã território iraquiano próximo da fronteira.
Os caças turcos tinham como alvo um posto abandonado suspeito de abrigar membros do PKK, situado na zona de Vansora, perto da cidade de Zakho, a mais próxima da fronteira iraquiano-turca, referiram as televisões.
O posto foi destruído pelos caças turcos, adiantaram.
O Estado-Maior das Forças Armadas turco não confirmou o ataque.
O primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, interrogado pela imprensa, referiu que não estava “ao corrente” de tal bombardeamento.
No mês passado, o parlamento deu «luz verde» ao governo turco para ordenar incursões no Iraque para “limpar” os campos de cerca de 3.500 rebeldes curdos estabelecidos no norte do Iraque.
A Turquia deslocou cerca de 100 mil homens para a fronteira.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.