Açoriano Oriental
Jóias de Gulbenkian na exposição de René Lalique em Moscovo
O Museu do Kremlin de Moscovo abre esta sexta-feira ao público uma exposição de obras de René Lalique, mestre joalheiro e vidreiro francês, entre as quais se encontram peças do Museu Calouste Gulbenkian de Lisboa.

Autor: Lusa/AO online
“Em primeiro lugar, trata-se de jóias fabricadas no limiar dos anos XIX-XX, bem como de experiências com vidro: vasos, candelabros, que serão completados com numerosos desenhos”, declarou Victória Pavlenko, directora da exposição.

As cerca de 200 obras-primas de René Lalique expostas no Campanário da Ascenção do Kremlin de Moscovo foram criadas pelo joalheiro entre 1886 e 1920.
 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.