Governo viabiliza até 3,9ME para as bacias hidrográficas das Furnas e Sete Cidades

Governo viabiliza até 3,9ME para as bacias hidrográficas das Furnas e Sete Cidades

 

Lusa/AO Online   Regional   23 de Dez de 2013, 16:36

O Governo dos Açores disponibilizou à empresa Azorina, S.A, até 3,9 milhões de euros no âmbito da aplicação dos planos de ordenamento das bacias hidrográficas das lagoas das Furnas e Sete Cidades.

 

Este valor, que, de acordo com o Jornal Oficial dos Açores, visa a execução das empreitadas de requalificação das margens das lagoas das Furnas e das Sete Cidades, é autorizado ao abrigo da celebração de um contrato programa entre o executivo açoriano e a empresa pública.

O montante em causa resulta transferência da parte não cofinanciada ao abrigo da candidatura apresentada e aprovada ao abrigo do Programa Operacional Temático de Valorização do Território (POVT), bem como da parte não elegível a fundos comunitários.

Acresce ainda o valor aprovado no âmbito da candidatura aprovada ao programa Proconvergência Turismo, visando justamente a implementação dos planos de ordenamento das bacias hidrográficas das lagoas das Furnas e Sete Cidades.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.