Açoriano Oriental
Covid-19
Governo em contacto com 3.543 estudantes portugueses no programa Erasmus

Os 3.543 estudantes portugueses no programa Erasmus estão a ser contactados, tendo apenas uma parte optado pelo regresso a Portugal na sequência do surto da Covid-19, disse à Lusa, no Porto, o ministro do Ensino Superior, Manuel Heitor.

article.title

Foto: Pedro Nunes/Lusa
Autor: Lusa/AO Online

O titular da pasta da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior falava após uma reunião com o reitor da Universidade do Porto, António Sousa Pereira, para se inteirar da aplicação dos planos de contingência internos que visam prevenir a transmissão do novo coronavírus.

Segundo Manuel Heitor, "estão a ser contactados individualmente e pessoalmente todos os estudantes portugueses no estrangeiro".

"Tínhamos, na sexta-feira, 3.543 estudantes portugueses no estrangeiro, sensivelmente o dobro dos estrangeiros em Portugal, e estão todos a ser contactados telefonicamente", frisou o governante.

Sobre as informações recolhidas nesses contactos, o ministro informou que "uns regressaram e outros optaram por ficar, seguindo as indicações das autoridades", enfatizando que estão “em contacto direto, através da Secretaria de Estados das Comunidades, serviços dos Negócios Estrangeiros, instituições e Direção-Geral do Ensino Superior".

Manuel Heitor disse que foi criada uma ‘task force', coordenada pelo diretor-geral do Ensino Superior para trabalhar com o Ministério dos Negócios Estrangeiros “de forma a que todos sejam contactados individualmente".

"Todos os casos estão a ser resolvidos e, obviamente, há orientações globais para reduzir a mobilidade e, por isso, muitos estão a ficar nos locais onde estavam a trabalhar, usando os serviços locais", disse o ministro do Ensino Superior, sem indicar números e destacando "a proximidade e a tranquilidade".

"Os contactos foram feitos por email e telefone", acrescentou.

O coronavírus responsável pela pandemia da Covid-19 infetou cerca de 170 mil pessoas, das quais 6.500 morreram.

Das pessoas infetadas em todo o mundo, mais de 75 mil recuperaram da doença.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.