Açoriano Oriental
Governo britânico avalia corredores regionais para ilhas espanholas

O governo britânico está em contactos com as autoridades espanholas sobre a possibilidade de abrir corredores de viagem com as Ilhas Baleares e Canárias, na sequência de novas restrições impostas sobre a totalidade de Espanha, noticiou a BBC.

Governo britânico avalia corredores regionais para ilhas espanholas

Autor: Lusa/AO Online

Uma fonte do governo confirmou à estação pública que ambas as partes estão a conversar devido à pressão do setor de turismo britânico para que sejam criados “corredores regionais" com áreas da Espanha menos afetadas pelo coronavírus, como o caso das ilhas.

Embora a indústria do turismo do Reino Unido esteja ansiosa por uma resposta esta semana, a fonte escutada pela BBC disse que o executivo do primeiro-ministro Boris Johnson “não vai tomar uma decisão imediatamente” e que pretende analisar bem os dados epidemiológicos.

À margem de uma visita à Turquia, a ministra dos Negócios Estrangeiros espanhola, Arancha González Laya, disse esperar que as negociações com as autoridades britânicas e "a solidez dos dados" deem frutos "em breve”.

O Reino Unido e a Espanha começaram a avaliar esta possibilidade depois que o governo britânico ter removido no domingo, sem aviso prévio, a isenção de uma quarentena obrigatória de catorze dias no domingo a todos os viajantes que chegam da Espanha devido a um aumento dos casos de contágio.

A secretária de Estado da Saúde britânica, Helen Whateley, reconheceu hoje que a incidência do vírus é menor nas Ilhas Canárias e nas Ilhas Baleares do que na Espanha continental, embora tenha alertado que "os casos estão a aumentar muito rapidamente" em "outros lugares” do país.

Em declarações à BBC, justificou que Londres agiu "de forma rápida e decisiva” com o objetivo de evitar uma "segunda vaga" do novo corona vírus no Reino Unido.

O jornal Daily Telegraph já tinha especulado na semana passada sobre a possibilidade de o governo britânico abrir "corredores de viagem" para a Madeira e Açores tendo em conta o baixo risco e o facto de o ministério dos Negócios Estrangeiros britânico não desaconselhar a visita aos arquipélagos, tal como acontece com as Ilhas Baleares e Canárias.

Porém, o governo britânico afastou até agora essa possibilidade com o argumento de que não pode levantar restrições para apenas uma parte do país.

O Reino Unido registou até esta segunda-feira 45.759 mortes durante a pandemia covid-19, enquanto que Espanha contabilizou 28.432 mortes.



 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.