Fonte do Bastardo vence sem dificuldades Dynamo Apeldoorn por 3-0


 

Lusa/AO Online   Outras modalidades   20 de Dez de 2018, 09:44

A Fonte do Bastardo venceu o Draisma Dynamo Apeldoorn, da Holanda, por 3-0, na primeira mão dos oitavos de final da Taça Challenge de voleibol, que disputou, na Praia da Vitória.

A equipa açoriana mostrou-se sempre superior, vencendo pelos parciais 25-19, 25-19 e 26-24, e está agora mais perto dos quartos de final da Taça Challenge.

O primeiro parcial começou muito renhido e os holandeses chegaram mesmo a ter dois pontos de vantagem (5-7), mas a Fonte do Bastardo aproveitou alguns erros do adversário e conseguiu passar para a frente do marcador aos 9-8.

A partir daí, os açorianos seguraram a vitória sem dificuldades, conseguindo margens confortáveis (16-8) até aos 25-19, em grande parte devido ao serviço forte de Vitaliy Sukhinin, considerado o melhor jogador em campo, com 16 pontos e 11 ‘set breaks’.

No segundo ‘set’, o Dynamo Apeldoorn entrou mais forte e manteve-se na liderança durante a primeira metade do tempo, chegando a ter uma vantagem de cinco pontos (5-10).

Aos 15-14, a equipa açoriana inverteu o resultado e foi-se destacando no marcador (24-16), acabando por vencer por 25-19.

A Fonte do Bastardo parecia ter o jogo controlado, entrando a ganhar no terceiro parcial, com uma margem segura (18-11), mas os holandeses não quiseram abandonar os Açores sem dar luta.

A equipa da casa acabou por vencer o último ‘set’, mas só aos 26-24, depois de uma recuperação do Dynamo Apeldoorn, que conseguiu mesmo chegar ao empate aos 23-23 e aos 24-24.

Jogo realizado no Complexo Desportivo Vitorino Nemésio, na Praia da Vitória

Fonte do Bastardo – Draisma Dynamo Apeldoorn, 3-0.

Parciais: 25-19 (em 22 minutos), 25-19 (26), 26-24 (32).

Equipas:

Fonte do Bastardo: Helder Spencer, Kevin Rakestrow, Alexandre Monteiro, Vitaliy Sukhinin, Caíque Silva, Angel Melean e Guilherme Kachel (líbero). Jogaram ainda Gerson Pereira, Rui Moreira e Renan da Purificação.

Treinador: João Coelho.

Draisma Dynamo Apeldoorn: Stefan Boermans, Rik van Solkema, Freek de Weijer, Renzo Verschuren, Wessel Blom, Mats Kruiswijk e Dustin Bontrop (líbero). Jogaram ainda Bart van Garderen, Nico Manenschijn, Maikel van Zeist, Tom van Steenis e Cas Abraham.

Treinador: Redbad Strikwerda.

Árbitros: Sebastian Wildlarz (Inglaterra) e Fernando Cerrato Gonzalez (Espanha).

Assistência: cerca de 300 espetadores.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.