Açoriano Oriental
Faleceu Luís Bensaude, antigo presidente do conselho de administração do Grupo Bensaude

Faleceu esta terça-feira, em Ponta Delgada, Luís Filipe Bensaude, ex-presidente do conselho de administração do Grupo Bensaude, tinha 62 anos.

Faleceu Luís Bensaude, antigo presidente do conselho de administração do Grupo Bensaude

Autor: Susete Rodrigues/AO Online

O seu corpo encontra-se em câmara ardente, na sua residência no Pico Salomão.

O funeral realiza-se quarta-feira, após missa de corpo presente, às 9 horas, na Igreja de Nossa Senhora de Fátima, em Ponta Delgada, seguindo para cemitério de São Joaquim.

Em comunicado, o Grupo Bensaude lamenta a morte de Luís Bensaude, apresentando "as suas condolências à família e amigos, manifestando a profunda tristeza por ver partir uma forte personalidade, cujo contributo para o crescimento e consolidação do Grupo, bem como para o desenvolvimento do sector empresarial regional açoriano é incontornável”.

Luís Filipe Pinto Basto Bensaude nasceu em Lisboa, a 29 de dezembro de 1957, filho de Filipe Bensaude e neto de Vasco Bensaude.

Frequentou o Externato da Luz e o Liceu Pedro Nunes, completou um bacharelato em Contabilidade e Administração de Empresas na Universidade dos Açores e licenciou-se em Organização e Gestão de Empresas, pela Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa.

De acordo com comunicado, já nos Açores, onde residiu desde 1976 e após concluir a sua formação académica, desempenhou diversas funções nas várias empresas do Grupo Bensaude.

Em 1989, ocupou cargos de administração dessas empresas nas áreas do turismo, transportes marítimos e terrestres, armazenagem e comércio de combustíveis, ambiente e energia.

Em 2000, após a morte de Filipe Bensaude, assumiu a presidência do Conselho de Administração do Grupo Bensaude.

Durante a sua liderança, o Grupo teve um crescimento significativo em várias das suas áreas de atuação, como por exemplo no turismo, com a construção de três hotéis em São Miguel, um na Terceira, um no Faial e um em Lisboa.

De registar, também, a diversificação da carteira de negócios do Grupo, por via da participação no capital social da EDA e da entrada no sector da distribuição, resultante da aquisição do Grupo Nicolau Sousa Lima.

Em junho de 2010 e por razões de saúde, cessou as funções de presidente do Conselho de Administração do Grupo.

Em 2011, foi-lhe atribuída a Insígnia Autonómica de Mérito Industrial, Comercial e Agrícola, pela Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores.

Notícia atualizada às 13h59



 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.