Açoriano Oriental
Duas mortes no espaço de um ano na Ribeira dos Caldeirões

O falecimento da turista portuguesa no domingo foi a segunda trágica ocorrência naquele ponto turístico do Nordeste. Em 2023, uma professora também caiu e acabou por vir a morrer

Duas mortes no espaço de um ano na Ribeira dos Caldeirões

Autor: Nuno Martins Neves

No espaço de um ano, houve duas mortes por queda na Ribeira dos Caldeirões, apurou o jornal Açoriano Oriental junto de diversas fontes, incluindo os Bombeiros Voluntários concelhios.

O primeiro caso ocorreu no verão de 2023 e vitimou uma professora. Segundo relatos de uma guia turística que se encontrava no local, a pessoa em questão caiu à ribeira, junto à cascata que fica perto do alojamento local existente na Ribeira dos Caldeirões. Apesar de ainda ter sido socorrida no local e transportada para o Hospital do Divino Espírito Santo, acabaria por falecer.

A segunda vítima foi no passado domingo, uma turista nacional de 62 anos, que sofreu uma queda fatal de 20 metros de altura, após se ter desequilibrado quando estava a tirar fotografias.

Segundo apurou o Açoriano Oriental junto dos bombeiros, o acidente aconteceu por volta das 13h30, numa cascata que fica numa cota inferior à estrada regional, próxima da zona do Parque da Ribeira dos Caldeirões. A vítima acabou por falecer no local.

Numa e noutra situação, a corporação de bombeiros do Nordeste assinalou a necessidade de trabalhar a questão da segurança, seja através da colocação de sinais de perigo ou de proibição, ou a colocação de guardas de proteção, de forma a prevenir ocorrências futuras.

Contactado a Câmara Municipal do Nordeste, gestora do espaço, o presidente António Miguel Soares apenas refere que “está a acompanhar a família, e que não pretende prestar declarações, pedindo que se respeite tanto a família como a sua opção”.

Localizado na freguesia da Achada, o Parque da Ribeira dos Caldeirões é um dos principais pontos turísticos do concelho, conhecido pelas cascatas, jardins e moinhos de água. Conta com um trilho e é muito procurado para a prática de canyoning.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados