Deputado açoriano inspira-se em filme para tecer críticas a Governo Regional

Deputado açoriano inspira-se em filme para tecer críticas a Governo Regional

 

Lusa/AO Online   Regional   4 de Out de 2018, 17:22

O deputado do PPM no parlamento dos Açores, Paulo Estêvão, tem desde quarta-feira afixado um 'outdoor' em Ponta Delgada inspirado no filme "Três Cartazes à Beira da Estrada" e que aborda a problemática das refeições escolares no Corvo.

"Vasco Cordeiro é politicamente responsável pelo não fornecimento de refeições escolares às crianças do Corvo" é o texto inscrito no painel negro, que é assinado pelo "cidadão Paulo Estêvão" e que se encontra junto do Hospital do Divido Espírito Santo, em Ponta Delgada (ilha de São Miguel), revelou nota do PPM.

Embora assinalando que o cartaz é empunhado pelo "cidadão" Paulo Estêvão, a verdade é que o reivindicar do fornecimento de refeições escolares na Escola do Corvo é uma luta recorrente do parlamentar, que já fez inclusive uma greve de fome por causa do assunto.

"Apesar das sucessivas promessas de resolução da questão e dos compromissos assumidos nesta matéria, a verdade é que as refeições escolares ainda não estão a ser fornecidas aos alunos do Corvo", diz Paulo Estêvão, justificando assim esta nova ação de protesto.

Em fevereiro, o Governo dos Açores tinha rejeitado que os alunos do Corvo fossem vítimas de "qualquer discriminação" por parte do executivo por não terem refeitório escolar.

Devido à "falta de refeitório", os alunos da Escola do Corvo "recebem uma comparticipação diária" com limite máximo de "50% do subsídio de refeição", no entanto, o valor pode variar consoante o escalão de ação social escolar, declarou então o secretário com a tutela da Educação, Avelino Meneses.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.