Ambiente

Amigos dos Açores lamentam abate de plátanos na Povoação

Amigos dos Açores lamentam abate de plátanos na Povoação

 

Lusa/AO online   Regional   21 de Nov de 2011, 16:36

O presidente da associação ambientalista Amigos dos Açores, Diogo Caetano, lamentou o anunciado abate de cerca de 150 plátanos para permitir a pavimentação de uma estrada na Povoação, em S. Miguel, defendendo a necessidade de encontrar alternativas.
“Sendo a obra necessária, deveria ser estudada uma solução que permitisse a preservação das árvores”, afirmou Diogo Caetano em declarações à Lusa, destacando a importância de “evitar o abate das árvores”.

Nesse sentido, recordou que já ocorreram situações idênticas nos Açores em que foi possível “conciliar a estrada com as árvores”.

Diogo Caetano comentava o anunciado abate de cerca de 150 plátanos, todos com mais de meio século, para permitir a pavimentação de um troço de estrada.

O presidente dos Amigos dos Açores admitiu que os plátanos “não são árvores protegidas”, mas salientou que se trata de árvores “notáveis, com valor ambiental”.

“Neste caso concreto, até estamos a falar de árvores que aparecem em postais turísticos”, frisou, salientando a importância daquele local como atracção turística do concelho da Povoação.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.