Vítor Fraga e Berto Messias são novos membros do secretariado do PS/Açores

Vítor Fraga e Berto Messias são novos membros do secretariado do PS/Açores

 

Lusa/Ao online   Regional   21 de Out de 2018, 07:25

Vítor Fraga e Berto Messias são novos membros do secretariado regional do PS/Açores, que tem uma renovação de 35% dos membros, numa eleição que ocorreu este sábado durante a reunião da comissão regional do partido, em Ponta Delgada.

Vítor Fraga, atual líder da Sociedade para o Desenvolvimento Empresarial dos Açores (SDEA), que já integrou o Governo Regional dos Açores como secretário Regional do Turismo e Transportes, entre 2012 e 2016, e como secretário Regional dos Transportes e Obras Públicas, entre 2016 e 2017, e Berto Messias, secretário Regional Adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares, foram hoje eleitos novos membros do secretariado regional do partido.

Para o órgão entraram, também, André Gambão Rodrigues, André Franqueira Rodrigues, Isabel Almeida Rodrigues, José Miguel Toste, Maria Beatriz Rodrigues, Nuno Miranda e Tiago Branco.

A mesa da comissão, presidida por Carlos César, conta com a entrada de Elizabete Nóia e com a reeleição de Marta Couto e João Castro.

À margem da reunião, o presidente do Governo Regional dos Açores e líder da estrutura regional socialista, Vasco Cordeiro, afirmou que os novos nomes indicam o “sentido de renovação e refrescamento do secretariado regional”, acrescentando que o órgão está “motivado, em primeiro lugar, para, não apenas os combates eleitorais que se avizinham, mas para uma tarefa que é de todos os dias”, que é “construir as melhores respostas para as açorianas e os açorianos”.

Sobre os temas a serem debatidos na reunião, o socialista destacou a reforma da autonomia, mas também “matérias relativas às questões sociais” e “aquilo que deve ser um contínuo esforço, por parte do Partido Socialista Açores, de impulsionar um conjunto de medidas que vão ao encontro daquelas que são as necessidades, sobretudo, dos que estão numa situação de maior fragilidade na nossa sociedade”.

Em relação ao Orçamento do Estado para 2019, o líder do executivo açoriano elogiou a “resposta positiva da parte do Governo da República, do Partido Socialista, em relação a questões que são de importância fundamental para a região”, como a construção do observatório do Atlântico e do estabelecimento prisional de Ponta Delgada.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.