Basquetebol feminino

União Sportiva inicia caminhada europeia na Hungria

União Sportiva inicia caminhada europeia na Hungria

 

Nuno Martins Neves   Basquetebol   24 de Out de 2018, 09:20

As campeãs nacionais jogam esta quarta-feira, a partir das 18h30, no pavilhão do Uni Gyor, partida referente à jornada inaugural do Grupo F da EuroCup Woman

O Clube União Sportiva começa esta quarta-feira a sua terceira participação nas competições europeias, com a deslocação até ao pavilhão dos húngaros do Uni Gyor a marcar o início da EuroCup Women da época 2018/2019.


Depois de ter registado o melhor desempenho de sempre de uma equipa portuguesa nas competições europeias femininas, o técnico Ricardo Botelho partiu para a Hungria com o objetivo bem definido. 


“O basquetebol feminino português já participa há muitos anos na EuroCup e nós fizemos a melhor participação de sempre. Por aí já se vê o grau de dificuldade. Nós, sabendo das nossas limitações e do poderio das adversárias, vamos lutar jogo a jogo com o objetivo de passar à fase seguinte. Sabemos que é muito difícil, mas se não for assim não faz sentido participar numa competição destas”, assinala o timoneiro das campeãs nacionais.


O primeiro adversário é o Uni Gyor, terceira classificada do campeonato húngaro. Uma equipa sem paralelo às adversárias do União Sportiva na Liga Feminina, como explica Ricardo Botelho, com atletas “muito mais altas e todas internacionais”.


“É uma equipa com duas americanas muito interessantes - uma delas fez WNBA este ano, a outra vem de uma universidade muito forte. Depois têm mais quatro jogadoras europeias (uma grega, uma ucraniana e duas bielorrussas) a juntar ao lote de internacionais húngaras”, ressalva. Equipa fortíssima, com muitos argumentos e que pratica um basquetebol muito físico. “Mas vamos tentar implementar o nosso jogo, defender o máximo possível fora da área restritiva, para tirar as jogadoras altas lá dentro e impedir que façam muita mossa durante o jogo”, sublinha.


Ricardo Botelho lamenta que a preparação para o encontro de estreia nas competições europeias não tenha sido o mais indicado, em virtude do Sportiva ter jogado no sábado contra a Quinta dos Lombos (ver caixa). “Fizemos apenas um treino na segunda-feira e fomos falando e preparando as atletas na semana passada, A nossa equipa está preparada: já conhecemos o Gyor, depois de um estudo através de vídeos”.


No outro jogo do Grupo F, há um embate entre as catalães do Girona e as bascas do Bizkaia.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.