Açoriano Oriental
Tirar o “sal” do futebol divide treinadores da formação

Acabar com as goleadas nos escalões de Benjamins e Infantis não reúne consenso entre os clubes de São Miguel, que avançam com medidas que podem ser mais proveitosas para o desenvolvimento da modalidade

article.title

Foto: Eduardo Resendes
Autor: Nuno Martins Neves

Das bancadas, o grito tantas vezes ouvido num jogo de futebol ecoava até ao relvado sintético do Estádio Municipal Marquês Jácome Correia. “Só mais um, só mais um”, pediam os pais e os filhos respondiam com mais um golo. O “sal” do jogo é a razão de viver do jogador, mas nos escalões de Benjamins e Infantis a receita da Associação de Futebol de Ponta Delgada (AFPD) é igual à do médico: contenção.


Reportagem completa na edição desta segunda-feira, 25 novembro 2019, do jornal Açoriano Oriental


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.