Espaço

Sonda russa Phobos-Grunt cairá na Terra entre 6 e 19 de Janeiro


 

Lusa/AO online   Internacional   16 de Dez de 2011, 18:09

A sonda espacial russa Phobos-Grunt, destinada a Marte mas que acabou por não sair da órbita terrestre no início de Novembro, irá cair na Terra entre 6 e 19 de Janeiro, anunciou a agência espacial Roskosmos.
"O engenho espacial cairá na Terra no período entre 6 e 19 de Janeiro de 2012 numa zona compreendida entre os 51,4 graus de latitude norte e os 51,4 graus latitude sul, de acordo com cálculos preliminares", disse em comunicado a agência espacial russa.

As coordenadas indicadas pela Roskosmos incluem a maior parte das zonas habitadas da Europa, África, Ásia e do continente americano.

De acordo com o comunicado da agência espacial, "o lugar e a data da queda (da sonda) não poderão ser determinados senão apenas alguns dias antes".

A Roskosmos referiu ainda que a sonda deverá desintegrar-se ao entrar na atmosfera e o peso total dos fragmentos que atingirão o solo "não ultrapassará os 200 quilos".

A Phobos-Grunt foi lançada durante a noite de 08 para 09 de Novembro, mas falhou a trajectória em direcção à lua marciana Phobos e ficou presa na órbita terrestre.

O lançamento da Phobos-Grunt tinha sido a primeira tentativa da Rússia de regressar à exploração interplanetária depois do fracasso da missão da sonda Marte 96, lançada em Novembro de 1996 mas que acabou por cair no oceano Pacífico.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.