"Revendedores denunciam imposto encapotado no gás" é a manchete do Açoriano Oriental

"Revendedores denunciam imposto encapotado no gás" é a manchete do Açoriano Oriental

 

AO online   Regional   1 de Jan de 2019, 00:00

A denúncia da Associação de Revendedores de que existe um imposto encapotado de três euros por garrafa de gás - que o Governo diz servir para garantir o preço igual em todas as ilhas - está em destaque no Açoriano Oriental de terça-feira, 1 de janeiro de 2019.

O destaque fotográfico do jornal vai para o engenheiro açoriano, Francisco Furtado, que coordenou um estudo realizado pelo Fórum Internacional do Transporte para a cidade de Helsínquia, na Finlândia.

"Ponta Delgada quer mais oferta balnear" e "Santa Clara quer entrar no ano a ganhar ao Tondela" são outros destaques do jornal.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.