Fiscalidade

Reclassificar IVA pode penalizar consumo e diminuir receita fiscal


 

Lusa/AO online   Economia   21 de Set de 2011, 12:54

A directora-geral da associação de empresas de distribuição sublinhou hoje que a eventual reclassificação dos produtos para a taxa de IVA a 23 por cento vai influenciar “negativamente o sector” e que pode até levar à perda de receita fiscal.
“A reclassificação dos produtos para 23 por cento preocupa-nos muitíssimo porque os consumidores estão a transferir parte significativa dos seus recursos para a consolidação das contas públicas, o que tem impactos imediatos no consumo e é mais um factor que vai influenciar negativamente o sector”, afirmou Ana Isabel Trigo de Morais.

O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelhos, admitiu na terça-feira eliminar a taxa intermédia do IVA e reiterou que o Governo vai fazer uma reclassificação de bens, serviços e produtos que hoje estão taxados à taxa intermédia ou reduzida.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.