PSP

Polícias recorrem a apoio social da corporação para pedir empréstimos


 

Lusa/AO online   Nacional   28 de Set de 2011, 12:16

Cerca de cem polícias portugueses recorreram desde o início de 2011 ao gabinete de Acção Social dos Serviços Sociais da PSP devido a problemas económicos, solicitando ajuda para reorganizar a suas contas familiares.
Criado em 2008, este gabinete já ajudou dezenas de beneficiários dos Serviços Sociais da PSP, concedendo apoio económico e habitação social ou simplesmente fornecendo informação e orientação.

De Janeiro de 2008 a Setembro deste ano procuraram este serviço 572 polícias de várias patentes, a maioria com necessidade de apoio económico, quer ao nível da orientação financeira das suas contas com consolidação de créditos, quer ao nível de empréstimos que, em casos excepcionais e de absoluta necessidade, poderão ser feitos a taxa zero, nos termos da legislação em vigor.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.