Assembleia da República

PEV propõe casamento entre pessoas do mesmo sexo

PEV propõe casamento entre pessoas do mesmo sexo

 

Lusa / AO online   Nacional   30 de Out de 2009, 11:40

O Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) considerou que a legalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo deve ser feita “rapidamente”, defendendo que o Parlamento deve também “abrir-se à discussão” da adopção de crianças.
Numa conferência de imprensa na Assembleia da República (AR) onde apresentaram um projecto de lei para consagrar “a universalidade e igualdade no direito ao casamento”, os deputados ecologistas Heloísa Apolónia e José Luís Ferreira acusaram o PS de “oportunismo político”, por na legislatura passada ter votado contra “um projecto idêntico” do PEV, apesar de ter uma posição favorável.

“Lamentamos que por causa do PS isto não esteja já resolvido, é uma questão que se prolongou no tempo por responsabilidade do PS”, criticou a deputada Heloísa Apolónia.

Apolónia defendeu que o Parlamento deve agendar “com alguma rapidez” a discussão das propostas de todos os partidos sobre esta matéria mas assinalou que a nova proposta apresentada pelo PEV já contempla a possibilidade de adopção por casais homossexuais. “Estamos conscientes de que vamos aprovar nesta legislatura o casamento entre pessoas do mesmo sexo, mas queremos discutir também a adopção (…) apelamos a que todos os projectos sejam aprovados e que em sede de especialidade possamos fazer uma discussão muito séria e alargada para a AR se abrir a essa discussão”, frisou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.