Murteira Nabo reeleito presidente da Ordem dos Economistas


 

Lusa / AO online   Economia   26 de Nov de 2007, 17:31

Francisco Murteira Nabo foi reeleito bastonário da Ordem dos Economistas, para um segundo mandato de três anos, num período em que promete promover a formação dos economistas e debater publicamente os grandes problemas do país.
Até às 18:00 (hora de Lisboa), perto de dois mil associados da Ordem tinham votado, num universo de mais de 10 mil eleitores, mas a contagem definitiva só será conhecida na quarta-feira, depois de contabilizados os votos por correspondência.

"Só existe uma lista, o que não leva a que muita gente venha votar", reconheceu Murteira Nabo em declarações à agência Lusa.

"É pena que tenha havido apenas uma lista", acrescentou o bastonário, mas tradicionalmente os bastonários têm feito dois mandatos e a equipa actual não foi excepção.

Até 2010 "queremos que a Ordem tenha um papel de ligação entre os associados e os centros de formação", promovendo descontos nas acções de formação e alertando os membros para a necessidade constante de actualização profissional, afirmou Murteira Nabo.

A equipa eleita quer ainda servir de elo de ligação entre os recém licenciados e o mercado de trabalho, criando um centro de emprego com ofertas de trabalho e ajudando a reduzir o desemprego entre os economistas.

É também intenção da Ordem fazer um painel regular de economistas com um barómetro da conjuntura da economia portuguesa, disse à Lusa Murteira Nabo, dando a conhecer aos portugueses a opinião dos economistas da Ordem sobre o andamento económico.

"A Ordem quer ser parte das discussões e dos problemas do país", garantiu o mesmo responsável, tendo uma palavra a dizer sobre os grandes temas que agitam a sociedade portuguesa.

O novo executivo da Ordem dos Economistas será constituído, além de Murteira Nabo, por Rui Manuel Leão Martinho, Hélder Jacinto de Oliveira, Maria da Conceição Oliveira e Adriano Pimpão, como vogais efectivos.

Do conselho geral fazem parte nomes como Ernâni Lopes, Eduardo Catroga, Maria Manuela Morgado, João César das Neves, Teodora Cardoso, Vítor Pereira Dias e Maria José Valadas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.