MP acusa 16 pessoas por vários crimes económicos

MP acusa 16 pessoas por vários crimes económicos

 

Lusa/AO Online   Nacional   10 de Dez de 2009, 17:17

O Ministério Público acusou 16 arguidos de corrupção passiva e activa, branqueamento de capitais, participação económica em negócio, administração danosa e fraude fiscal no caso CTT, relacionado com a gestão dos Correios entre 2002 e 2005, quando Horta e Costa presidia ao Conselho de Administração.

O Ministério Público (MP) deduziu acusação contra 16 arguidos por três crimes de corrupção passiva para acto ilícito, um de corrupção activa para acto ilícito, com referência à Lei dos Crimes de Responsabilidade de Titulares de Cargo Político, dois de corrupção activa para acto ilícito, um de branqueamento de capitais, seis de participação económica em negócio, um de administração danosa e cinco crimes de fraude fiscal.

O MP pediu também que fosse aplicada a sanção acessória de inibição do exercício de funções públicas a seis dos arguidos e a inibição do exercício do comércio para três.

Foi ainda pedida a perda a favor do Estado de todos os valores envolvidos em práticas corruptivas e deduzido pedido de indemnização civil a favor da administração fiscal.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.