Londres confirma morte de soldado no sul do Afeganistão


 

Lusa / AO online   Internacional   15 de Nov de 2007, 13:46

O ministério britânico da Defesa confirmou quarta-feira a morte de um soldado britânico numa explosão no sul do Afeganistão, mais cedo durante o dia.
Segundo um porta-voz do ministério trata-se de um soldado do Segundo Batalhão do Regimento do Yorkshire morto quarta-feira no sul do Afeganistão.

“Um intérprete também ficou ferido e está actualmente a ser tratado no hospital de campanha do Campo Bastion”, afirmou o mesmo porta-voz.

A força da NATO no Afeganistão anunciou quarta-feira de manhã que um soldado da Força Internacional de Assistência à Segurança (ISAF) tinha sido morto no sul do Afeganistão na explosão de um engenho artesanal durante uma patrulha de rotina em que o seu intérprete ficou ferido.

A morte deste soldado eleva a 84 o número de soldados britânicos mortos no Afeganistão desde a intervenção da coligação internacional, no fim de 2001, para afastar os talibãs do poder.

A Grã-Bretanha conta com cerca de 7.000 homens no Afeganistão, a maior parte deles destacados em Helmand.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.