Açoriano Oriental
Hospital de Ponta Delgada retoma terça-feira consultas externas exceto de pediatria

O hospital de Ponta Delgada, nos Açores, que está a repor gradualmente a atividade clínica de ambulatório após o incêndio, anunciou hoje que vai retomar na terça-feira as consultas externas de todas as especialidades, exceto pediatria.

Hospital de Ponta Delgada retoma terça-feira consultas externas exceto de pediatria

Autor: Lusa /AO Online

De acordo com uma publicação na página da rede social Facebook do Hospital do Espírito Santo (HDES), a partir de terça-feira “serão retomadas as consultas [externas] de todas as especialidades, à exceção da Pediatria”.

Na publicação é referido que, no mesmo dia, no Piso 1 do edifício hospitalar de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, ocorrerá “a retoma da Medicina Física e Reabilitação, da consulta de Psiquiatria (a funcionar no espaço do Hospital de Dia) e [da] consulta de Pneumologia (a funcionar no espaço da Reabilitação Respiratória)”.

O HDES apela, no entanto, aos utentes que não se dirijam presencialmente ao hospital se não tiverem sido contactados nesse sentido.

O Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, sofreu um incêndio no dia 04 de maio, que obrigou à transferência de todos os doentes que estavam internados para vários locais dos Açores, Madeira e continente.

Logo após o incêndio, o Governo dos Açores declarou a situação de calamidade pública para “acelerar procedimentos” que permitam normalizar, num “curto espaço de tempo”, a atividade da maior unidade de saúde açoriana.

Na quarta-feira, em conferência de imprensa, a presidente do conselho de administração, Manuela Gomes de Menezes, referiu que, “garantida a segurança e o normal funcionamento de todos os sistemas”, perspetivava-se “avançar para a reabertura parcial da consulta externa, a retoma do serviço de deslocação de doentes e o regresso de colaboradores não clínicos do hospital”.

Na mesma data, 15 de maio, a diretora clínica disse que os tratamentos oncológicos no HDES iriam ficar regularizados até ao final desta semana.

“Relativamente aos tratamentos oncológicos, todos estarão completamente resolvidos e o normal funcionamento ocorrerá no final da próxima semana”, disse Paula Macedo.

Ainda segundo Paula Macedo, a partir do dia 27, a unidade estará a “funcionar praticamente [de forma] normal”, embora possam existir “algumas dificuldades”, não a nível de tratamentos, mas de consultas.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados