Genuíno Madruga chega amanhã ao Brasil

Genuíno Madruga chega amanhã ao Brasil

 

Lusa / AO online   Regional   9 de Out de 2007, 17:31

O velejador açoriano Genuíno Madruga termina quarta-feira, no Brasil, a segunda etapa da sua viagem de circum-navegação solitária, a segunda aventura do género na sua carreira.
    Segundo fonte da organização desta viagem à volta do mundo, Genuíno Madruga deverá chegar ao porto de Florianópolis na manhã de quarta-feira, depois de quase um mês de viagem desde a partida de Cabo Verde.

    Os últimos dias desta segunda etapa foram bastante movimentados para o velejador açoriano, natural da ilha do Pico, que foi obrigado a navegar a cerca de 100 milhas da costa para evitar as plataformas de petróleo existentes no local.

    O "Hemigway", o pequeno barco de 11 metros de comprimento que Genuíno Madruga utiliza pela segunda vez para uma viagem de circum-navegação, tem passado por muitos navios nesta parte final do percurso.

    Durante a travessia do Atlântico, Genuíno Madruga capturou vários peixes, desde uma barracuda a um peixe-espada, mas a última pescaria acabou por não correr bem, porque o atum que "ferrou" era tão grande que "o anzol partiu-se", disse a mesma fonte da organização.

    Na segunda-feira, Genuíno Madruga contou, durante algum tempo, com a companhia de uma baleia, que andou junto ao barco e avistou o primeiro albatroz.

    Depois de aportar em Florianópolis, Genuíno Madruga irá fazer uma pausa na sua viagem, para efectuar contactos com velhos amigos, para descansar e fazer reabastecimentos, prevendo-se que parta para a 3ª etapa da sua volta ao mundo no final de Outubro, rumo ao Uruguai.

    Aos 57 anos de idade, Genuíno Madruga está a efectuar a sua segunda viagem em solitário à volta do mundo, desta vez com uma dificuldade acrescida, a travessia do Cabo Horn, no extremo sul da América latina, uma zona de correntes e ventos fortes, de grande instabilidade, agravada pela possível presença de icebergs.

    O velejador açoriano propõe-se fazer o trajecto no sentido contrário ao que é habitualmente feito, ou seja, contra as correntes e os ventos predominantes.

    Genuíno Madruga partiu para esta aventura a 25 de Agosto do porto das Lajes do Pico e já fez a primeira escala em Cabo Verde, prevendo parar também no Uruguai e na Argentina antes da travessia do Cabo Horn.

    Depois, será a passagem pelo Chile, ilha de Páscoa, Polinésia Francesa, Samoa, Fiji, Austrália, Timor, Indonésia, Maurícias, Madagáscar, África do Sul e Ilha de Santa Helena.

    O regresso do velejador aos Açores está previsto para Maio de 2009, por altura dos festejos em honra do Espírito Santo.

    Na primeira volta ao Mundo, efectuada entre Outubro de 2000 e Maio de 2002, Genuíno percorreu cerca de 30 mil milhas náuticas, naquela que foi a concretização de um velho sonho que acalentava desde criança.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.