Atentado na Índia

Explosão num cinema indiano foi um atentado confirma polícia


 

Lusa/AO   Internacional   15 de Out de 2007, 08:04

A explosão que matou seis pessoas e feriu 32 no domingo à noite num cinema lotado no norte da Índia foi de origem criminosa, indicou hoje a polícia local.

“Foi um atentado. Foi um acto terrorista. Procuramos determinar a natureza exacta dos explosivos”, indicou um polícia local, que solicitou o anonimato.

    A deflagração aconteceu quando centenas de pessoas assistiam a uma nova comédia de Bollywood na cidade industrial de Ludhiana, situada no Estádio de Pendjab, do qual Amritsar é a cidade principal.

    O atentado, que ainda não foi reivindicado, aconteceu por ocasião do fim do Ramadão, festejado por cerca de 140 milhões de muçulmanos indianos.

    O ataque aconteceu também dois dias depois da explosão de uma bomba perto de um dos mausoléus muçulmanos mais venerados, no Estado de Rajasthan, que matou duas pessoas e feriu uma dezena.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.