Capacete de Schumacher partiu-se em dois devido a impacto

Capacete de Schumacher partiu-se em dois devido a impacto

 

Lusa/AO online   Internacional   31 de Dez de 2013, 11:57

O capacete de proteção que Michael Schumacher usava na altura do acidente na pista de esqui de Maribel, em França, partiu-se em dois devido ao violento impacto com uma rocha, noticia esta terça-feira o jornal alemão Bild.

 

Fonte da equipa de resgate, citada pelo Bild, adiantou que, quando os socorristas chegaram ao lugar do acidente, "o capacete estava partido e via-se muito sangue".

A mesma informação foi confirmada à agência France Presse por uma fonte da investigação.

O sete vezes campeão mundial de Fórmula 1, Michael Schumacher, sofreu no domingo um acidente enquanto esquiva na estancia de Meribel, nos Alpes franceses, tendo sido transferido para o Hospital de Grenoble, sudoeste da França.

O jornal Bild dedica hoje a manchete ao piloto de Kerpen, Alemanha, com o título "A luta da sua vida" e faz uma reconstituição pormenorizada do acidente.

Segundo o Bild, Schumacher estava acompanhado do seu filho, de 14 anos, e de pelo menos três amigos e esteve a esquiar durante toda a manhã de domingo nas pistas oficiais da estância de Meribel.

Pouco depois das 11:00, o ex-piloto terá abandonado a pista, adentrando cerca de 20 metros na montanha, entre as pistas de Biche e Mauduit.

Pouco depois, Schumacher ter-se-á desequilibrado e chocado com uma rocha, batendo com a parte direita da cabeça.

Num primeiro momento, o ex-piloto não perdeu a consciência e foi levado de urgência para o hospital de Moutiers, antes de ser transferido para Grenoble, em cujo hospital ingressou já em coma e onde permanece em estado crítico desde domingo.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.