Crime

PJ de Braga procura ladrões de ourivesaria


 

Lusa/AOonline   Nacional   7 de Out de 2008, 16:30

A PJ de Braga procura os quatro homens que hoje assaltaram a ourivesaria Ourovila, em Vila Verde, de onde roubaram várias peças em ouro cujo valor não foi divulgado, disse à Lusa fonte policial.
Segundo a fonte, o assalto ocorreu às 10:30 de hoje, quando três homens, armados de caçadeiras de canos serrados e encapuzados, irromperam pela ourivesaria, onde apenas se encontrava o proprietário e um cliente.

    Os assaltantes obrigaram os dois homens a deitarem-se no chão e meteram num saco todas as peças em ouro que encontraram, não tendo querido levar relógios.

    Os três homens fugiram, dois minutos depois, tendo, à saída disparados dois tiros para o ar, para intimidar as muitas pessoas que, àquela hora, circulavam no centro da vila.

    Partiram, em seguida, num carro da marca Audi A3 que se encontrava nas redondezas com um quarto cúmplice ao volante e tomaram a direcção da cidade de Braga.

    O proprietário, José Mendes, disse à Lusa que foi obrigado a obedecer às ordens dos assaltantes, "para não levar um tiro", frisando que foi a primeira vez que a loja foi roubada.

    A PJ de Braga tomou conta do crime e começou, de imediato, a investigá-lo, embora a tarefa seja difícil posto que a ourivesaria não tem sistema de vídeo-vigilância.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.