Miguel Oliveira parte da quinta posição no Grande Prémio da Tailândia

Miguel Oliveira parte da quinta posição no Grande Prémio da Tailândia

 

Lusa/Ao online   Outras modalidades   6 de Out de 2018, 11:47

O português Miguel Oliveira (KTM) garantiu este sábado uma das melhores qualificações da temporada, ao assegurar o quinto posto da grelha de partida do Grande Prémio da Tailândia de Moto2, 15.ª prova do Mundial de motociclismo de velocidade.

Depois de ter sido segundo na Áustria e quarto no Qatar e na República Checa, o piloto da KTM mostrou uma boa adaptação ao traçado de Chang, em Buriram, que se estreia no calendário, e bateu inclusivamente o líder do campeonato, o italiano Francesco Bagnaia (Kalex), que partirá ao seu lado, da sexta posição.

O português foi, durante grande parte da sessão, o terceiro mais rápido, tendo sido relegado para a segunda linha da grelha já nos derradeiros minutos, quando vários pilotos melhoraram os seus registos. Com o tempo de 1.36,529 minutos, o piloto de Almada ficou a apenas dois milésimos de segundo do quarto posto e a 155 do autor da 'pole', o italiano Lorenzo Baldassarri.

O espanhol Alex Márquez e o italiano Luca Marin completam a primeira fila na corrida de domingo, enquanto o também italiano Mattisa Pasini vai largar da quarta posição, ao lado de Miguel Oliveira, que não partia da segunda linha desde o GP da República Checa, resultado que, na altura, lhe valeu a vitória.

O Grande Prémio da Tailândia de Moto2 é a 15.ª das 19 provas da temporada. O português ocupa, atualmente, a segunda posição no campeonato, a 19 pontos de Francesco Bagnaia.

Já em MotoGP, o espanhol Marc Márquez (Honda), campeão em títuloi e líder do Mundial, partirá da 'pole position', com os italianos Valentino Rossi (Yamaha) e Andrea Dovizioso (Ducati) nos lugares seguintes.

De fora ficou o espanhol Jorge Lorenzo (Ducati), depois da queda sofrida na sexta-feira, nos treinos livres.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.