Hariri forma Governo de Unidade Nacional no Líbano

Hariri forma Governo de Unidade Nacional no Líbano

 

Lusa / AO online   Internacional   9 de Nov de 2009, 17:42

O novo primeiro-ministro libanês, Saad Hariri, formou um Governo de Unidade Nacional, pondo fim a um impasse de quase cinco meses com o movimento liderado pelo Hezbollah, anunciou esta segunda-feira o secretário-geral do Conselho de Ministros, Suheil Buji.
Buji anunciou a formação do novo executivo com base num decreto assinado pelo Presidente da República, Michel Sleimane, e por Hariri, que antes tinha comunicado ao chefe de Estado uma lista de 30 ministros, dois dos quais pertencem ao Hezbollah xiita.

Ao mesmo tempo, Buji anunciou também a demissão do Governo cessante de Fuad Siniora, no cargo desde 2008.

No sábado, a formação do executivo estava praticamente decidida, depois do movimento xiita e seus aliados terem aceitado a última proposta de Governo apresentada por Hariri, que lidera a maioria parlamentar.

O novo Governo inclui 30 ministros, 15 dos quais da maioria, que é apoiada nomeadamente pelos Estados Unidos e Atábia Saudita, dez da minoria, com o apoio do Irão e da Síria, e cinco "neutros" designados pelo Presidente da República, Michel Sleimane.

O Governo de União Nacional é uma reivindicação do movimento xiita e dos seus aliados que recusam que a maioria assuma decisões importantes, nomeadamente no que respeita ao arsenal do Hezbollah, única facção libanesa a não depor as armas após o fim da guerra civil no Líbano na década de 1990.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.