Açoriano Oriental
Associação denuncia “atentado ambiental” no litoral da Lagoa

A associação Amigos do Calhau considera que se está perante um “atentado ambiental” no litoral da Lagoa, na zona entre o Observatório Vulcanológico e Geotérmico dos Açores (OVGA) e o Largo do Cruzeiro.


Foto: Amigos do Calhau
Autor: Paula Gouveia

Em causa a construção da ciclovia litoral da cidade da Lagoa, uma obra da Câmara Municipal. José Pedro Medeiros, presidente da associação - que tem por fim defender a natureza, o ambiente e o património -, diz que “escoadas lávicas foram totalmente destruídas para abrir um caminho de três metros de largura”, “em vez de um pequeno trilho para as pessoas passearem”.


Pode ler mais na edição desta terça-feira, 14 janeiro 2020, do jornal Açoriano Oriental


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.